h1

3º sessão de Scion do Angelo

08/05/2009

3º sessão de Scion do Angelo

Nessa o Eros voltou pra mesa, tá como JFK III, filho de Afrodite (quem mais…). E a Lara faltou. Tzk tzk.

Começamos um pouco retroativo com JFK na cadeia. Um adevogado grandão e negão (meu papai) aparece dizendo que veio soltar ele. Diz que foi mandado pela ONG do meu Pj. Diz que oficialmente o senhor JFK foi deportado, então ele trouxe uma nova identidade e dinheiro. Libera ele da cadeia e ele se depara com sua mamão Afrodite num carrão. Entra e segue com ela até um apê. Ela explica a zorra toda pra ele, depois leva ele pra fora e faz ele voar até o céu pra ver a pretidão, sente várias coisinhas lá. Ensina ele a brilhar também. Depois chama Hades que aparece e complementa a explicação e dá um arco pra ele. Diz que ele vai abrir o caminho pro mundo da escuridão pra gente. Libera ele, ele liga pra gente e passamos o endereço da casa da Izel. Ele aparece lá.

Como visto na última sessão, saímos correndo de casa. No meio da rua vemos pessoas capotadas e destruição geral. O céu tá beeeem pretão. Como sabemos que Hades vai abrir o caminho pra gente resolvemos ir prum cemitério ver o que rola. No caminho eu, JFK e YUe caímos no sono como todo mundo.

Chegamos no cemitério, Hadinho vê um véio escroto cavando um cova. Diz que é o caminho pra ele mas que ele tem que pagar o tributo, manda ele procurar por aí. Hadinho vai sauqear os túmulos.

Izel vê seu papai Tezcatlipoca, ele diz que cada um tem que ir pelo seu prórpio caminho. Solta um viadinho e ele é furado por várias flechas, depois some. Depois que volta a si ela tenta me acordar fazendo um corte na minha mão, num funciona.

JFK, no sonhinho, vai parar num pântano macabro. Não lembro o que rolou, se alguma alma caridosa que estava presente quiser relatar, fazfavô.

Johan no hospital vê a zona na tv. Sai e liga pra Izel que manda ele vir pro cemitério. No meio do caminho ele capota de sono no volante. Vai parar numa paisagem nórdica. Ele encontra um guerreirão morto, pega o elmo, escudo e machadão do cara e prossegue. Alguém diz algo sobre ele ter que lutar pra sair. Então aparece um esqueletão armado e a treta começa. Johan arrebenta o cidadão e volta pro mundo dos acordados, segue pro cemitério.

No meu sonho vou parar numa floresta. Caminho e vejo só dois macacos me observando. Escuto uma cachoeira próximo. Chego até a cachoeira, faço uma pausa e escuto barulho no mato. Vou checar e encontro um dos macacos morto arrebentado. Escuto outro barulho, corro pra checar e vejo o outro macaco. Como num entendo nada de floresta levanto vôo e vou por cima. Reconheço o lugar como a floresta próximo duma montanha sagrada do Quênia. Vou seguindo até onde creio ter civilização.

No caminho vejo gorilões alados afogando pessoas num rio. Reconheço como criaturas míticas relacionadas aos mortos. Aterrizo e me escondo pra observar. Chamo por Exu e ele aparece. Todo malandrão fumando cachimbo. Pergunto sobre as criaturas e ele confirma minhas suspeitas, diz que eu tenho que passar pela ponte do rio pra poder voltar pro mundo normal. Ele me dá uma guia com 7 tridentinhos de ouro, diz que tenho que usá-los na hora certa. Depois ele vai embora.

Vou todo imponente em direção as criaturas. Chego numa e exijo passagem dando carteirada como filho de Xangô. O bicho pede prova então ativo o modo PoserPlus e começo a levitar, encaro o bicho e boto a banca. Ele libera a passagem. Do outro lado outro bicho me pára e diz que eu tenho que pagar o tributo pra continuar. Na malandrage dou um dos tridentinhos de outro pra ele. Ele me deixa passar e diz onde encontrar o cara que pode me mandar de volta, manda até uns guardinhas pra me escoltar. Dou uma última esnobada e sigo.

Chego numa cabana cheia das vuduzices. Entro e o Barão Samedi tá lá me esperando. Conversamos e ele me diz que temos (PJs) que nos encontrar num ponto ainda seguro do mundo da escuridão. Me mostra o local através dum espelhão. Diz pra deixar o pagamento já preparado. Depois me manda de volta.

Acordo, Johan chega, chamo todo mundo, mas Yue seguiu direto antes de conseguirmos falar com ela. Passo pra galera o local de encontro e dou um tridente pra cada um pra pagar pela viagem. Depois cada um segue seu próprio caminho. Chamo pelo Barão Samedi.

Izel caminha pelo mato, encontra seu papai que lhe dá uma roupa típica. Partem.

Johan tromba Odin que dá uma roupa também.

Hadinho e JFK seguem juntos, Hadinho entra na cova feita pelo véio escroto e some. JFK dá com a cara na terra. hehe. Mas sua mamâe aparece e leva ele através da luuuz.

Já eu vou sou levado por uma floresta onde trombo papai, que me dá umas peles, lança e escudão. Pergunta pelo pagamento e mostros o meu tridente e o que eu guardei pra YUe. Ele diz que eu devia pagar a pasegem de todo mundo, não entregar pra eles pagarem. Duh! Rolo umas semânticas e ele topa ver o que o Monolito (seja lá o que for isso) acha. Moral da história: bonzinhos só se fodem.

%d bloggers like this: