h1

1º sessão da mesa de M&M da Graci

04/09/2009

1º sessão da mesa de Mutantes & Malfeitores da Graci
incredibles-logo-300x186A campanha de passa no cenário do filme Os Incríveis, logo após o filme. Nós somos heróis de Metroville, trabalhamos pra NSA, a agência que cuida dos heróis, somos o grupo Os Guardiões. Ficamos numa base megafoda que flutua pela cidade, com uma inteligência artificial chamada Celeste. Eu estou como o Besouro Negro, gênio tecnológico que usa um escudão em formato de carapaça de besouro, e o Danizinho tá como o Equação, muleke com temática matemática, poderes de crescer e encolher, se multiplicar e ficar em forma de partículas. Mais jogadores na próxima sessão.
Scarab_Beetle_by_MedIllin
Estávamos os dois heróis dormindo em nossos alojamentos quando Celeste nos acorda com alarme de encrenca. Equação deixa uma cópia dele dormindo e vai checar, eu já checo do alojamento enquanto entro na minha armadura. Vemos imagens dum museu onde vários robôs em formato de carangueijos vasculham atrás de algo.

Tipo isso aí

Tipo isso aí

Começamos a fuçar infos sobre tudo, não vemos nada de estranho na estrutura do museu, vemos a relação das peças e pessoas, e notícias, e várias bobagens. Celeste diz que não consegue hackear os robôs, então mandamos ela teleportar um pra detenção pra fuçarmos de perto. Ela traz o dito e Equação vai lá recepcioná-lo. O robô levanta as pinças e vem pra cima, Equação cresce e começa a despedaçar o bicho. Pluga os fios e hackeamos o troço, vemos a imagem dum rubi bunitão na programação do robô. Passamos um scan no museu e vemos que o tal rubi está numa escultura escrota mexicana. Celeste me teleporta pro lado do troço, eu pego a escultura e volto pra base. Uns robôs me vêem mas não chegam a tempo de me pegar.

A pedrinha que ainda vai causar muita encrenca

A pedrinha que ainda vai causar muita encrenca

Botamos a escultura pra análise enquanto Celeste teleporta todos robôs restantes e fica os segurando com raio trator fora da base. Vasculhamos atrás de freqüências de comando e controle do robôs e achamos uma rede de computadores pela cidade transmitindo dados similares, e algumas conexões num computador dum cientista da universidade que já fez uns trampos pra NSA, prof. Jeffrey Daves. Me teleporto pro laboratório onde tá o tal computador e começo a fuçar. Boto um vírus pra rastrear e acho que os dados tão indo pruma região afastada específica, e que a rede tá fuçando os projetos e dados de muitos computadores por aí, espionando e coletando dados. Até que meu vírus é explodido. Abro um msn genérico e tento contatar o responsável mas ele não responde. Volto pra base.

Analisamos o rubi, descobrimos que ele é perfeito, todo certinho, talvez até vindo de fora do planeta. Testamos umas ondas e luzes e o troço concentra a luz e faz um baita laser que danifica a caixa de testes. Fuçamos atrás de teorias e pesquisas com laser e pedras e tralhas assim, achamos várias bobagens. Os robôs que tavam sendo seguros fora da nave se desativam sozinhos. Os desmontamos e analisamos, são feitos duma tecnologia foda, que poderia construir um robozão overmegafoda se quisesse. Vamos até o tal prof. Daves por ser o especialista nesse tipo de coisa (e ainda um suspeito). Chegamos na casa do tal de madruga, acordamos ele e mostramos os dados, o cara fica fascinado e todo empolgado pra investigar tudo. Mandamos ele pra sede da NSA pra ele se juntar aos técnicos que vão fuçar direito em tudo.

Professor Jeffrey Daves - ainda possível vilão

Professor Jeffrey Daves - ainda possível vilão

Nas pesquisas também descobrimos que a obra de arte que achamos o rubi não corresponde a obra do artista, aparentemente foi trocada no caminho do méxico pro museu, checamos a região do artista e talz mas não vemos nada de anormal. Mandamos todo relatório pra NSA e quando voltamos tem um burocrata lá nos esperando todo sonolento. Passamos toda a pica pra ele despachamos tudo pra sede da NSA. Voltamos pra cama e deixamos Celeste monitorando o próximos passo do tal dos carangueijos.

Nossa Fortaleza voadora

Nossa Fortaleza voadora

Acompanhe a versão oficial da mestre.

%d bloggers like this: